Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1107093
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Gado de Corte - Capítulo em livro científico (ALICE)
Date Issued: 2019
Type of Material: Capítulo em livro científico (ALICE)
Authors: GARCIA, M. V.
RODRIGUES, V. da S.
KOLLER, W. W.
ANDREOTTI, R.
Additional Information: MARCOS VALÉRIO GARCIA, Biólogo, Doutor Microbiologia Agropecuária; VINICIUS DA SILVA RODRIGURES, Médico-Veterinário; WILSON WERNER KOLLER, CNPGC; RENATO ANDREOTTI E SILVA, CNPGC.
Title: Biologia e importância do carrapato Rhipicephalus (Boophilus) microplus.
Publisher: In: ANDREOTTI, R.; GARCIA, M. V.; KOLLER, W. W. (Ed.). Carrapatos na cadeia produtiva de bovinos. Brasília, DF: Embrapa, 2019. 240 p. il. color.
Pages: p. 16-25
Language: pt_BR
Keywords: Carrapato duro
Carrapato mole
Ectoparasito
Description: A cada ano novos registros de espécies de carrapatos são divulgados ao redor do planeta. Até o momento mais de 920 espécies são descritas no mundo, estas estão divididas em três famílias, das quais duas são as mais importantes e abundantes: Ixodidae representados por mais de 720 espécies, divididas em 14 gêneros, comumente conhecidos por carrapatos ?duros?, a segunda família com menor número de gêneros é a Argasidae com mais de 200 espécies, representada por cinco gêneros e que são conhecidos como carrapatos ?moles?. Para finalizar a família Nuttalliellidae, somente com uma espécie (Guglielmone et al., 2010; Nava et al., 2017). No Brasil, a fauna de carrapatos até a presente data é composta de 73 espécies pertencentes a duas famílias: Ixodidae, com 47 espécies, e Argasidae, com 26 espécies. Os ixodídeos estão divididos em cinco gêneros: Amblyomma, Ixodes, Haemaphysalis, Rhipicephalus e Dermacentor. Sendo o gênero Amblyomma o de maior abundância (Krawczak et al., 2015; Labruna et al., 2016; Wolf et al., 2016; Michel et al., 2017). Os argasídeos são compostos por quatro gêneros: Antricola, Argas, Nothoaspis e Ornithodoros sendo este último comtemplado com o maior número de espécies (Luz et al., 2016; Muñoz-Leal et al., 2017). Diante deste contexto vale ressaltar que entre os cinco gêneros de ixodídeos encontrados no país, os carrapatos do gênero Amblyomma e Rhipicephalus despertam um maior interesse na comunidade científica, seja pela importância para a saúde pública, seja pelo notável impacto econômico. Como exemplo de carrapato de importância em saúde pública aqui se pode evidenciar o Amblyomma sculptum. Já com relação ao impacto econômico pode-se destacar o Rhipicephalus (B.) microplus. Um dos importantes gargalos a serem enfrentados pelos pecuaristas na criação e manutenção tanto de bovinos de corte ou de leite é a presença do carrapato R. (B.) microplus e o impacto negativo causado por esse ectoparasito. Em se tratando da cadeia produtiva bovina, o Brasil ocupa a primeira posição no ranking de produção mundial e, segundo divulgado pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA, 2017), o rebanho bovino brasileiro alcançou 220 milhões de cabeças em 2017, apresentando um crescimento exponencial de 400% nas últimas décadas, acelerando a trajetória da pecuária. Vale ressaltar que 32% deste crescimento ocorreram na região Centro-Oeste do país. Somento o carrapato R. (B.) microplus é responsável por causar mais de três bilhões de dólares de perdas anuais na cadeia produtiva de bovinos no Brasil (Grisi et al., 2014). Esta espécie de carrapato ainda é a única no Brasil que causa grande preocupação no cenário da produção bovina. Diante disso neste capítulo abordaremos alguns aspectos relacionados a esse carrapato.
NAL Thesaurus: Argasidae
Ixodidae
Rhipicephalus
Data Created: 2019-03-14
Appears in Collections:Capítulo em livro científico (CNPGC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Biologiaeimportanciadocarrapato.pdf830,24 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace