Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1111228
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Clima Temperado - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2019
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: LIMA, C. B. DE
SILVA, F. F. DA
GRÜTZMACHER, A. D.
PAZINI, J. DE B.
ROSA, A. P. S. A. da
MARTINS, J. F. da S.
Additional Information: CRISLAINE BARCELLOS DE LIMA, UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS; FERNANDO FELISBERTO DA SILVA, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA; ANDERSON DIONEI GRÜTZMACHER, UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS; JULIANO DE BASTOS PAZINI, UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS; ANA PAULA SCHNEID AFONSO DA ROSA, CPACT; JOSE FRANCISCO DA SILVA MARTINS, CPACT.
Title: Development of Oryzophagus oryzae (Costa Lima) in rice cultivars. Desenvolvimento de Oryzophagus oryzae (Costa Lima) em cultivares de arroz.
Publisher: Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 49, e53397, 2019.
Language: en
Description: Cultivares resistentes a insetos são essenciais à melhoria do manejo de pragas como Oryzophagus oryzae (Coleoptera: Curculionidae), altamente prejudicial à cultura do arroz irrigado por inundação. O grau de benefício, porém, depende do tipo de resistência. Objetivou-se avaliar cultivares de arroz quanto à resistência a O. oryzae, inferindo sobre efeitos de antixenose e antibiose no desenvolvimento de larvas e adultos. Em condições naturais de infestação, instalou-se um experimento bienal em delineamento de quadrado latino, com seis tratamentos (cultivares) e parcelas de 30 plantas (cinco linhas de seis plantas equidistantes 20 cm) irrigadas com lâmina de água de 15 cm. Por meio de amostras-padrão de solo, plantas e raízes, foram avaliados o número e peso de larvas por classe de tamanho, bem como o número, peso, taxa de emergência e razão sexual de adultos. Exceto para a razão sexual, as cultivares diferiram (p ≤ 0,05) quanto às demais variáveis, cuja relação evidenciou efeitos de antibiose à fase larval e possibilitou concluir que: a cultivar BRS Firmeza possui resistência a O. oryzae por efeitos de antixenose e/ou antibiose; BRS Ligeirinho é suscetível, abrigando alta população larval e propiciando melhor desenvolvimento de larvas e adultos; e IRGA 417 possui resistência do tipo antibiose, que restringe a taxa de emergência de adultos. O peso de adultos atribui maior precisão à avaliação de efeitos prejudiciais de cultivares de arroz ao desenvolvimento de O. oryzae.
Thesagro: Arroz
Gorgulho
Arroz Irrigado
Praga
Praga de Planta
Data Created: 2019-08-09
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CPACT)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DesenvolvimentodeOryzophagusoryzaeCostaLimaemcultivaresdearroz.pdf223,09 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace