Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1139225
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorPINHEIRO, A. K.
dc.contributor.authorCARNEIRO JUNIOR, J. M.
dc.contributor.authorCAVALCANTE, F. A.
dc.contributor.authorCABRAL, J. P. G.
dc.contributor.authorGREGIANINI, H. A. G.
dc.date.accessioned2022-01-21T01:17:52Z-
dc.date.available2022-01-21T01:17:52Z-
dc.date.created2022-01-20
dc.date.issued2021
dc.identifier.citationIn: SEMINÁRIO DA EMBRAPA ACRE DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E PÓS-GRADUAÇÃO, 3., 2020, Rio Branco, AC. Ciência e tecnologia na sociedade digital (edição on-line): anais. Rio Branco, AC: Embrapa Acre, 2021.
dc.identifier.urihttp://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1139225-
dc.descriptionO objetivo deste trabalho foi avaliar parâmetros de produção de oócitos, embriões e gestação em doadoras Nelore do Acre. Foram utilizados dados de dez fazendas entre 2015 e 2018, da empresa In Vitro Acre. Os oócitos foram coletados, por meio da técnica de aspiração transvaginal, e conduzidos a laboratório para maturação, fertilização e cultivo in vitro. Foi realizada estatística descritiva da produção de oócitos e embriões, utilizando o PROC MEANS e teste exato de Fisher no SAS. As proporções de oócitos para grau I, II, III e IV foram 4%, 12,34%, 61,03% e 22,63%, respectivamente. As proporções de embriões produzidos de acordo com o estádio de maturação foram: 462 (4,95%) mórula, 2.416 (21,47%) blastocisto inicial, 2.782 (24,62%) blastocisto, 5.624 (47,40%) blastocisto expandido, 185 (1,46%) blastocisto em eclosão e 8 (0,08%) blastocisto eclodido. Observou-se predominância do nível de maturação de blastocisto expandido, que conduziu às maiores taxas de gestação (p<0,05). Concluiu-se que: a) há variabilidade da qualidade oocitária, dos níveis de maturação de embriões e das taxas de gestação, semelhante às observadas na literatura, demonstrando consolidação da técnica no Acre; b) o nível de maturação de blastocisto expandido foi predominante conduzindo às maiores taxas de gestação.
dc.formatBanner.pt_BR
dc.language.isopor
dc.relation.ispartofseries(Embrapa Acre. Eventos técnicos & científicos, 3).
dc.rightsopenAccess
dc.subjectReproducción de animales
dc.subjectTransferencia de ovas
dc.subjectOócitos
dc.subjectCultivo de embriones
dc.subjectTaxa de gestação
dc.subjectRio Branco (AC)
dc.subjectAcre
dc.subjectAmazônia Ocidental
dc.subjectWestern Amazon
dc.subjectAmazonia Occidental
dc.titleQualidade oocitária e nível de maturação de embriões Nelore na taxa de gestação no Acre.
dc.typeArtigo em anais e proceedings
dc.subject.thesagroReprodução Animal
dc.subject.thesagroCultura de Embrião
dc.subject.thesagroGado Nelore
dc.subject.thesagroMelhoramento Genético Animal
dc.subject.nalthesaurusAnimal reproduction
dc.subject.nalthesaurusOva transfer
dc.subject.nalthesaurusEmbryo culture
dc.subject.nalthesaurusNellore
dc.subject.nalthesaurusPregnancy rate
dc.subject.nalthesaurusAnimal breeding
dc.description.notesEditores: Virgínia de Souza Álvares, Fabiano Marçal Estanislau.
dc.format.extent2p. 65-70.
riaa.ainfo.id1139225
riaa.ainfo.lastupdate2022-01-20
dc.contributor.institutionANTÔNIA KAYLYANNE PINHEIRO, Universidade Federal do Acre (Ufac); JOSE MARQUES CARNEIRO JUNIOR, CPAF-AC; FRANCISCO ALOISIO CAVALCANTE, CPAF-AC; JEAN PAULO GOTELIP CABRAL, Universidade Federal do Acre (Ufac); HELTON APARECIDO GARCIA GREGIANINI.
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPAF-AC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
27274.pdf189,2 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace