Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/65548
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Meio-Norte - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2002
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: MELO, F. de B.
CARDOSO, M. J.
ANDRADE JÚNIOR, A. S. de
RIBEIRO, V. Q.
Title: Desenvolvimento e produção de frutos de bananeira sob adubação química.
Publisher: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE FRUTICULTURA, 17., 2002, Belém.Os novos desafios da fruticultura brasileira: anais. Belém: SBF, 2002.
Pages: 5 p.
Language: pt_BR
Description: A banana é a fruta mais consumida no Brasil, constituindo parte importante da renda dos pequenos produtores e da alimentação das camadas mais carentes da população (Almeida et al. 2000). Solos de baixa fertilidade e a não manutenção dos níveis adequados de nutrientes durante o ciclo da planta são fatores responsáveis pela baixa qualidade e produtividade de frutos (Melo et al. 2001). A bananeira é uma planta bastante exigente em nutrientes, necessitando de fertilização abundante, não só porque as quantidades dos elementos exportados pelos frutos são elevadas, como também os solos da maioria das regiões produtoras são normalmente de baixa fertilidade (Borges & Caldas, 1988). Nas regiões produtoras de banana no Brasil as doses de nitrogênio, fósforo e potássio usadas em plantios comerciais, geralmente, variam de 90 a 300 kg de N.ha-1.ano-1; de 0 a 150 kg de P2O5.ha-1.ano-1 e de 0 a 625 kg de K2O.ha-1.ano-1, respectivamente, dependendo dos teores dos nutrientes no solo (Borges & Oliveira, 2000). As necessidades de adubação dessa cultura são dependentes das condições de solo e clima e das exigências nutricionais diferenciadas que demonstram as variedades. Portanto, para definir as doses de máxima eficiência técnica e econômicas, experimentos de campo são necessários nas condições edafoclimáticas de cada local. O potássio é o macronutriente absorvido em maior quantidade pela planta, tendo função ação direta nas trocas metabólicas, no transporte da seiva elaborada, na retenção de água e nas qualidades organolépticas do fruto (Brasil et al. 2000). A assimilação desse nutriente está ligada à do nitrogênio, havendo uma relação específica entre eles, que varia de acordo com o tipo de solo, clima e cultivar (Moreira, 1987). Apesar da bananeira ser cultivada a bastante tempo no Piauí, poucas são as informações disponíveis baseadas em resultados experimentais sobre recomendações de adubação para a cultura nas condições do Estado. Dessa forma, este trabalho teve como objetivo avaliar os efeitos de doses crescentes de nitrogênio, fósforo e potássio, no desenvolvimento e produção da bananeira cultivar Grande Naine nas condições de solo e clima do município de Teresina, Piauí.
Thesagro: Adubação
Banana
Produção
Variedade.
Data Created: 2003-05-29
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPAMN)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Frut200001.pdf275,18 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace