Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1001726
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Monitoramento por Satélite - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 4-Dez-2014
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: FOLHARINI, S. O.
OLIVEIRA, R. C. DE
FURTADO, A. L. dos S.
CONCEIÇÃO, A. F.
Informaçães Adicionais: SAULO O. FOLHARINI, BOLSISTA CNPM; R. C. DE OLIVEIRA, UNICAMP; ANDRE LUIZ DOS SANTOS FURTADO, CNPM; ADRIANA FANTINATI CONCEIÇÃO, BOLSISTA CNPM.
Título: Compartimentação geomorfológica do Parque Nacional da restinga de Jurubatiba e sua zona de amortecimento terrestre.
Edição: 2014
Fonte/Imprenta: In: COLÓQUIO IBÉRICO DE GEOGRAFIA, 14., 2014, Guimarães, Portugal. A jangada de pedra: anais... Guimarães, Portugal: Universidade do Minho, 2014.
Páginas: p. 2224-2229.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Compartimentação geomorfológica
Jurubatiba
Macaé
Processamento digital de imagens
Conteúdo: A compartimentação geomorfológica no contexto de estudos de diagnóstico ambiental é uma etapa de fundamental importância, porque a identificação das formas que compõem a paisagem de um local são evidências da evolução da paisagem. A área de estudo localiza-se de forma alongada pela linha de costa dos municípios de Macaé, Carapebus e Quissamã, localizados no litoral norte do estado do Rio de Janeiro. O objetivo do trabalho foi identificar os compartimentos geomorfológicos existentes na área em escala 1:50.000 através da análise do modelo digital do terreno, imagens do satélite rapideye e fotografias aéreas. Embasando-se na metodologia proposta por IBGE (2009) que estabelece os procedimentos e propõe uma taxonomia para a compartimentação do relevo. Os procedimentos operacionais foram a interpretação visual das formas e limites dos compartimentos em ambiente de Sistema de Informações Geográficas ArcGIS 10.2, utilizando imagens rapideye e fotografias aéreas delimitando os compartimentos geomorfológicos, em escala 1:50.000. Como resultado chegamos a delimitação de dois grandes compartimentos, efeito da dinâmica natural da área, os Tabuleiros da Formação Barreiras foram compartimentados em colinas baixas e colinas altas e a Planície Litorânea em formações de cordões litorâneos, planícies fluviais, planícies flúvio-lacustres, planícies lacustres, planícies de inundação, praia.
Ano de Publicação: 2014
ISBN: 978-972-99436-8-3
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CNPM)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
4207.pdf493,51 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace