Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1006066
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Meio Ambiente - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 19-Jan-2015
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: AVILA, P. C.
JUNQUEIRA, A. da C.
GONCALVES, J. R. P.
MORICONI, W.
CANUTO, J. C.
Informaçães Adicionais: PATRICIA CAMPARO AVILA, FCA-UNESP; ALEXANDRE DA COSTA JUNQUEIRA; JOSE RICARDO PUPO GONCALVES, CNPMA; WALDEMORE MORICONI, CNPMA; JOAO CARLOS CANUTO, CNPMA.
Título: Avaliação da resistência à penetração em diferentes sistemas em lote de reforma agrária no município de Itapeva, SP.
Edição: 2014
Fonte/Imprenta: In: JORNADA DE ESTUDOS EM ASSENTAMENTOS RURAIS, 6., 2013, Campinas. Caderno de Resumos... Campinas: Universidade Estadual de Campinas, 2013.
Páginas: 6 p.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Sistema agroflorestal
Agroecologia
Penetrômetro
Conteúdo: O sistema vivo, complexo e dinâmico do solo tem sido, no ultimo século, considerado apenas um suporte inerte para a obtenção de lucro pela agricultura convencional e os passivos de degradação de sua estrutura física, química e biológica já são entraves à melhoria de qualidade de vida dos agricultores, dentro da realidade de escassez de recursos e assistência técnica dos assentamentos rurais do estado de São Paulo (PRIMAVESI, 2002; GLIESSMAN, 2009). Um dos legados do manejo inadequado com maquinaria pesada e cultivo intensivo, deixado nos solos da maioria das áreas destinadas à assentamentos rurais, é a compactação ou o chamado "pé-de-grande" (RAMOS FILHO e PELLEGRINI, 2006). A destruição da bioestrutura do solo compromete a estabilidade, resistência às intempéries, fornecimento de água e oxigênio para os cultivos e, portanto, constitui-se na principal causa dos problemas de produtividade na agricultura tropical (PRIMAVESI, 2002). Dentro deste contexto têm surgido nos últimos anos diversas iniciativas de alternativas de manejo agroecológico do solo na forma de sistemas agroflorestais (SAFs). Pelo fato de aliar no mesmo espaço e/ou tempo o cultivo de grande diversidade de espécies agrícolas anuais, florestais perenes, herbáceas, arbustivas e arbóreas, os SAFs imitam e se fundamentam na estrutura multiestratificada complexa e na dinâmica dos processos ecológicos de ecossistemas florestais naturais (PENEIREIRO et al., 2002). A camada de estratos acima do solo e a "capa" de folhas o protege dos impactos do sol, chuva e vento, evitando a destruição de sua estrutura, a sua erosão e compactação. A incorporação frequente de matéria orgânica reconstrói o solo e a camada ampla e complexa de raízes abaixo da superfície promove a descompactação, aeração e aumento da infiltração de água. Experiências de SAF com objetivo de aliar conservação do solo com produção agrícola vêm sendo construídas no assentamento Pirituba II, localizado no município de Itapeva, SP, cujo histórico anterior é de produção convencional de grãos com uso intensivo de maquinaria pesada em extensas áreas de monocultivo. O presente estudo foi realizado no lote dos agricultores João Pereira da Silva e Eva Conceição da Silva que tem trabalhado com agrofloresta desde 2006. Dentro deste contexto, o monitoramento do sistema por indicadores de sustentabilidade se constitui em uma ferramenta essencial de qualificação da experiência e de base para melhorias de práticas de manejo, indicando modificações em atributos-chave na dinâmica do agroecossistema (DEPONTI et al., 2002). Neste sentido o objetivo principal deste trabalho foi analisar os efeitos do uso e manejo agroecológico do solo na forma de SAF, através de medições com equipamento de medição de compactação, o penetrômetro.
Thesagro: Recuperação do solo
Agrossilvicultura
Agricultura orgânica
NAL Thesaurus: Agroecology
Soil amendments
Penetrometers
Agroforestry
Ano de Publicação: 2014
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CNPMA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014AA02.pdf58,5 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace