Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1020974
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Meio Ambiente - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 30-Jul-2015
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: BORBA, R. P.
CAMARGO, O. A. de
BETTIOL, W.
COSTA, V. L.
Informaçães Adicionais: R. P. BORBA, IAC; O. A. de CAMARGO, IAC; WAGNER BETTIOL, CNPMA; V. L. COSTA, Bolsista IAC.
Título: Variação do balanço de cargas superficiais ao longo do perfil do solo e sua influência na mobilidade de ânios (no3, so4, cl) na zona não saturada.
Edição: 2005
Fonte/Imprenta: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE GEOQUÍMICA, 10., SIMPÓSIO DE GEOQUÍMICA DOS PAÍSES DO MERCOSUL, 2., 2005, Praia de Porto de Galinhas/PE. Anais... Praia de Porto de Galinhas/PE: SBG, 2005. p. 1-4.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Ânios
Mobilidade
Zona não saturada
Carga superficial
Conteúdo: As características químicas e mineralógicas do solo sofrem modificações nos diferentes horizontes do perfil, e também dentro de um mesmo horizonte, com o aumento da profundidade. As variações dos diferentes atributos do solo ao longo do perfil tais como composição mineralógica, pH, matéria orgânica, capacidade de troca de cátions e anions, ponto de carga zero (PCZ), influenciam na mobilidade dos íons em soluçao na zona não saturada. Esta influência é decorrente da retenção ou liberação destes íons em solução pelas superfícies reativas disponíveis no solo, presentes nos minerais, na matéria orgânica e em substâncias amorfas. A caulinita e os oxi-hidróxidos de ferro e alumínio (cristalinos ou amorfos) são usualmente os minerais e fases constituintes dos Latossolos. A adsorção ou dessorção de cátions e anions em solução nas superfícies destes minerais dependerá, entre outros fatores, do balanço das cargas superficiais, se negativo ou positivo. As cargas superficiais destes minerais são controladas pelo pH; o balanço de cargas varia de positivo a negativo com a elevação do pH do meio, estas cargas superficiais de natureza anfotérica são denominadas cargas variáveis. Deste modo, o pH exerce uma grande influência na capacidade de um solo, com cargas variáveis, em retardar ou não o movimento de íons em solução na zona não saturada e mesmo na zona saturada, podendo, dependendo da natureza e concentração destes íons, levar à contaminação da água subterrânea. O objetivo deste trabalho é avaliar o transporte de anios (NO3, SO4 2- e C1-) através da zona não saturada de um Latossolo que apresentou variações em seus atributos químicos ao longo do perfil.
Thesagro: Solo
Ano de Publicação: 2005
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CNPMA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2005AA074.pdf1,29 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace