Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1036420
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Meio Ambiente - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2015
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: VICELLI, M. P.
SILVA, A. M.
PONTE, M. S.
NASCIMENTO, R. dos S.
TERAO, D.
Additional Information: MONICA PIROLA VIECELLI, FAJ; ADRIANE MARIA DA SILVA, FAJ; MAYARA SILVA PONTE, ESALQ-USP; ROSELY DOS SANTOS NASCIMENTO, CNPMA; DANIEL TERAO, CNPMA.
Title: Influência da temperatura e da radiação UV-C no crescimento micelial e na germinação de Penicillium digitatum.
Publisher: In: CONGRESSO INTERINSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 9., 2015, Campinas. Anais... Campinas: IAC, 2015. 8 p.
Language: pt_BR
Keywords: Bolor verde
Citros
Radiação UV-C
Plant disease and disorders.
Description: Resumo: As doenças pós-colheita provocam perdas significativas na citricultura, sendo que na exportação de frutas frescas existe grande restrição para os resíduos químicos. Nesse contexto, existe demanda por tratamentos na pós-colheita que não utilizem fungicidas. O presente trabalho teve como objetivo avaliar a eficiência da temperatura e da radiação da luz ultravioleta C (UV-C) no crescimento micelial e na inibição de esporos de Penicillium digitatum, fungo causador da podridão pós-colheita em laranja. Avaliaram-se as temperaturas: 50ºC, 55ºC e 60ºC em períodos de 15 s e 30 s e as doses de luz UV-C: 0,25; 0,5; 1,0; 1,5 e 2,0 kJ.m-2, nas avaliações de inibição de esporos e 1,0; 2,0; 4,0; 8,0 e 10 kJ.m-2, nos estudos de crescimento micelial. De maneira geral, a radiação UV-C diminuiu o desenvolvimento de P. digitatum, pois, apesar de não ser letal, todos os tratamentos apresentaram a área abaixo da curva do crescimento micelial menor que a testemunha, não diferindo entre eles. Observou-se que a radiação UV-C é altamente eficiente na inibição de germinação de esporos sendo que doses baixa de 0,25 kJ.m-2 inibiu acima de 85% e os melhores resultados foram obtidos a partir de 1,0 kJ.m-2. Com relação ao tratamento hidrotérmico, observou-se que o esporo de P. digitatum é sensível a temperaturas elevadas. O binômio de 50ºC por 30 s inibiu a germinação de 99,48% não diferindo da combinação de 55ºC por 15 s, que inibiu completamente. Conclui-se que existe potencialidade de uso do tratamento hidrotérmico e de radiação UV-C na pós-colheita de laranja como alternativa aos fungicidas.
Thesagro: Fruta cítrica
Doença de planta
Pós-colheita
Mofo verde
Controle físico
Controle térmico
Raio ultravioleta
Penicillium digitatum
Tratamento Hidrotérmico.
NAL Thesaurus: Oranges
Postharvest diseases
Hot water treatment
Molds (fungi).
Data Created: 2016-02-10
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CNPMA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015AA064.pdf529.03 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace