Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1133461
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Gado de Leite - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Date Issued: 2020
Type of Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Authors: SIQUEIRA, K. B.
BINOTI, M. L.
BORGES, C. A. V.
PILATI, A. F.
MARCELINO, G. W.
NUNES, R. M.
SILVA, P. H. F. da
GAMA, M. A. S. da
Additional Information: KENNYA BEATRIZ SIQUEIRA, CNPGL
AMANDA FERNANDES PILATI
CRISTIANO AMANCIO VIEIRA BORGES, CNPGL
RENATO MOREIRA NUNES, Universidade Federal de Juiz de Fora
MIRELLA LIMA BINOTI, Universidade Federal de Juiz de Fora
PAULO HENRIQUE FONSECA DA SILVA, Universidade Federal de Juiz de Fora.
GUILHERME WILLIAM MARCELINO, Universidade Federal de Juiz de Fora
MARCO ANTONIO SUNDFELD DA GAMA, CNPGL
Title: Custo benefício dos nutrientes dos alimentos consumidos no Brasil.
Publisher: Ciência e Saúde Coletiva, v. 25, n. 3, p. 1129-1135, 2020.
Language: Portugues
Keywords: Nutrient deficiency
Costs
Description: Um dos maiores problemas atuais da população é a deficiência de nutrientes. Estudos indicam que consumidores consideram o preço dos alimentos mais relevante do que os valores nutricionais. Assim, este trabalho objetivou comparar o custo dos nutrientes de alimentos típicos da dieta brasileira, realizando coletas de preços em mercados virtuais e calculando o custo para se atingir 30% das necessidades diárias de um adulto saudável para oito nutrientes. A carne de frango foi a fonte mais barata de proteína. A fibra de cereal teve o menor custo para fibra e ferro. As fontes mais baratas de cálcio foram o Ovomaltine e os lácteos, e o fígado bovino foi o alimento melhor ranqueado para vitamina A. A vitamina C foi o nutriente mais barato na dieta brasileira, e o suco de acerola a fonte mais barata deste nutriente. Os lácteos ocuparam as seis primeiras posições no ?ranking? da vitamina D, e nozes e sementes apresentaram o menor custo para vitamina E. Os resultados mostraram que os consumidores brasileiros podem alcançar a ingestão recomendada de nutrientes considerados críticos a um baixo custo por meio da aquisição dos alimentos melhor ranqueados. No entanto, esse ranqueamento deve ser ponderado em função da qualidade do alimento, conforme preconiza o Novo Guia Alimentar para a População Brasileira.
Thesagro: Nutrição
Saúde Pública
Deficiência Nutricional
Custo
NAL Thesaurus: Nutrition
Public health
Data Created: 2021-08-11
Appears in Collections:Artigo em periódico indexado (CNPGL)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Custo-beneficio.pdf104,36 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace