Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/255963
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Pecuária Sudeste - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 23-Jul-2009
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: PEDROSO, A. de F.
NUSSIO, L. G.
RODRIGUES, A. de A.
SANTOS, F. A. P.
MOURÃO, G. B.
BARIONI JUNIOR, W.
Informaçães Adicionais: ANDRE DE FARIA PEDROSO, CPPSE; LUIZ GUSTAVO NUSSIO, ESALQ/PIRACICABA; ARMANDO DE ANDRADE RODRIGUES, CPPSE; FLÁVIO AUGUSTO PORTELA SANTOS, ESALQ/PIRACICABA; GERSON BARRETO MOURÃ0, ESALQ/PIRACICABA; WALDOMIRO BARIONI JUNIOR, CPPSE.
Título: Desempenho de vacas leiteiras alimentadas com rações produzidas com silagens de cana-de-açúcar tratadas com aditivos ou cana-de-açúcar fresca.
Edição: 2009
Fonte/Imprenta: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 46., 2009, Maringá. Anais... Maringa: SBZ:UEM, 2009.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Benzoato de sódio
Conteúdo: Aditivos são essenciais para redução da fermentação alcoólica e das perdas em silagens de cana-de-açúcar. Dados sobre o valor nutritivo destas silagens são escassos. Este experimento teve o objetivo de avaliar o desempenho de vacas leiteiras alimentadas com silagens de cana-de-açúcar aditivadas. Vinte e quatro vacas holandesas foram agrupadas em blocos de três vacas, de acordo com a ordem do parto e nível de produção de leite, em um delineamento em quadrado latino múltiplo 3 x 3. Cada período de avaliação teve duas semanas de adaptação e uma semana de coleta de dados. Foram avaliados três tipos de ração (63% volumoso e 37% concentrado, base matéria seca - MS): a) ração com silagem aditivada com 0,5% de uréia + 0,05% de benzoato de sódio (na matéria verde); b) ração com silagem inoculada com L. buchneri (5 x 104 ufc/g de forragem); c) ração com cana-de-açúcar fresca. Os tratamentos com rações com silagens aditivadas com uréia + benzoato e L. buchneri resultaram em menor consumo de MS (18,48 kg/d) e menor produção de leite (17,39 kg/d), em relação ao tratamento com a forragem fresca (21,44 kg/d e 18,55 kg/d, respectivamente). O arraçoamento com a silagem inoculada resultou em maior teor de gordura e, consequentemente, produção de leite corrigido para 3,5% de gordura igual ao das vacas alimentadas com a forragem fresca. O tratamento com silagem com uréia + benzoato resultou em teor de gordura intermediário e produção de leite corrigido inferior ao dos animais alimentados com cana fresca.
Thesagro: Gado Holandês
Uréia
Leite
Gordura
Gado leiteiro
Ano de Publicação: 2009
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CPPSE)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PROCIAFP2009.00045.pdf151,33 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace