Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/282262
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Florestas - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 8-Out-1996
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: SCHREINER, H. G.
BAGGIO, A. J.
Informaçães Adicionais: Schreiner e Baggio, EMBRAPA-URPFCS.
Título: Culturas intercalares de milho (Zea mays L.) em reflorestamentos de Pinus taeda L. no sul do Paraná.
Edição: 1984
Fonte/Imprenta: Boletim de Pesquisa Florestal, Curitiba, n. 8/9, p. 26-49, jun./dez. 1984.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Sistema agroflorestal
Consorciacao de culturas
Crop associations.
Conteúdo: Este trabalho foi planejado com o objetivo de se avaliar, na região dos Campos Gerais do Paraná, o rendimento de associações de Pinus taeda L. com milho (Zea mays L.), em função de três densidades populacionais desta cultura: 50 mil, 67 mil e 83 mil plantas/ha, dispostas, respectivamente, em duas, três e quatro linhas, entre as linhas do Pinus plantado no espaçamento de 3 x 2 m. O plantio do Pinus e o da primeira cultura de milho foram efetuados no ano agrícola 1981/82; duas novas culturas de milho foram plantadas em 1982 e em 1983. Até a terceira colheita do milho, não se registraram diferenças entre as sobrevivências do Pinus associado com duas, três e quatro linhas do cereal, nem entre estas e as da testemunha sem consórcio (média de 91,33%). Quanto à altura e ao diâmetro da espécie florestal, no entanto, os incrementos registrados no consórcio com quatro linhas de milho (3,65 m e 5,73 cm) foram menores que na testemunha sem consórcio (4,17 m e 6,92 cm), enquanto que nos consórcios com duas e três linhas, estes ficaram em posição intermediária. As produções de milho, no primeiro e no segundo ano, propiciaram, respectivamente, retornos sobre o capital investido nesta cultura, da ordem de 135 e 94%. Já no terceiro ano, quando o desenvolvimento do Pinus tornou-se suficiente para sombrear parcialmente a cultura agrícola, sua produção foi deficitária, embora em pequeno grau. A população de 50 mil plantas de milho por hectare, dispostas em duas linhas, entre as linhas do Pinus, mostrou-se a mais indicada para o sistema.
Thesagro: Agrossilvicultura
Milho
Pinus Taeda
Zea Mays.
NAL Thesaurus: agroforestry
corn.
Ano de Publicação: 1984
ISSN: 0101-1057
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CNPF)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
schreiner.pdf508,5 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace