Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/485880
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Milho e Sorgo - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 30-Set-2002
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: PORTO, P. P.
SALIBA, E. de O. S.
GONCALVES, L. C.
RODRIGUEZ, N. M.
BORGES, I.
RODRIGUES, J. A. S.
STEHLING, C. A. do V.
FARIA, B. N. de
Informaçães Adicionais: JOSE AVELINO SANTOS RODRIGUES, CNPMS.
Título: Teores de matéria seca, proteína bruta, carboidratos solúveis e extrato etéreo das silagens de tres genótipos de girassol (Helianthus annuus L.) com aditivos em sete diferentes épocas de abertura.
Edição: 2002
Fonte/Imprenta: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 39., 2002, Recife. A produção animal e a sociedade brasileira: anais. Recife: UFRPE: SBZ, 2002.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Inoculante bacteriano
Carbonato de cálcio.
Conteúdo: O objetivo deste experimento foi avaliar os teores de materia seca (MS), proteína bruta (PB), carboidratos soluveis (CHO) e extrato etereo (EE) das silagens de tres genotipos: M 734, Rumbosol 91 e a variedade V2000, enriquecidas com ureia (U), carbonato de calcio (CC), ureia mais carbonato de calcio (U*CC); e inoculante bacteriano (IB), sendo tambem ensilado material original sem aditivo que serviu como silagem testemunha (T). Foram utilizados silos de laboratorio de PVC, abertos com um, tres, cinco, sete, 14, 28 e 56 dias de ensilados. As silagens de genotipos M734 foram as que apresentaram os maiores teores de MS comparadas as silagens do Rumbosol 91 e este maior que o V2000. A adicao somente de U resultou em silagens com teores de PB superiores as silagens T e foram semelhantes entre si nos diferentes dias de abertura. Os teores de CHO soluveis variaram de 0,03% a 3,86%, sendo que as silagens T e com aditivos do genotipo M734 apresentaram no dia de abertura um teores significativamente superiores ao Rumbosol 91 e ao V2000. O IB nao promoveu uma rapida queda nos teores de CHO soluveis como esperado. os teores de EE foram estatisticamente superiores para os genotipos V2000 e M734 em relacao ao Rumbosol 91 e nao apresentaram diferenca com a utilizacao dos aditivos. Concluindo, as silagens de girassol avaliadas apresentaram baixos teores de MS e apenas o uso de ureia promoveu alteracoes aumentando o teor de proteina bruta das silagens dentro dos parametros avaliados.
Thesagro: Silagem
Uréia.
Ano de Publicação: 2002
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CNPMS)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Teoresmateria2.pdf31,73 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace