Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/48644
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Pecuária Sudeste - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Date Issued: 2008
Type of Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Authors: ÍTAVO, L. C. V.
GOMES, F. C.
JACINTO, M. A. C.
ÍTAVO, C. C. B. F.
SUGUISAWA, L.
SCHIO, A. R.
MATEUS, R. G.
Additional Information: Luis Carlos Vinhas Ítavo, Universidade Católica Dom Bosco; Fabio Candal Gomes, Universidade Católica Dom Bosco; MANUEL ANTONIO CHAGAS JACINTO, CPPSE; Camila Celeste Brandão Ferreira Ítavo, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul; Liliane Suguisawa - Universidade Católica Dom Bosco; Alex Resende Schio, Mestrando/UESB/Itapetinga; Rodrigo Gonçalves Mateus, Mestrando em Zootecnia, UESB/Itapetinga.
Title: Características de carcaça e do couro de bovinos precoces e superprecoces.
Publisher: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 45, 2008, Lavras. Anais... Lavras: SBZ: UFLA, 2008.
Language: pt_BR
Keywords: Precoces
Superprecoces.
Description: Objetivou-se avaliar o efeito do sistema de produção sobre características produtivas e do couro de bovinos cruzados precoces e superprecoces. Foram utilizados 36 animais, sendo 16 provenientes do sistema superprecoce (10 machos castrados e seis fêmeas), terminados em confinamento e 20 animais do sistema precoce (10 machos castrados e 10 fêmeas), terminados em pastagens, recebendo suplementação protéico energética (1 kg/dia/animal). Após o abate os couros foram processados até a etapa de couro semi-acabado, onde foram retiradas as amostras da região do dorsolombar para os ensaios físico-mecânicos de tração e rasgamento. Houve efeito do sistema de produção para ganho de peso total (GPT), ganho médio diário (GMD), área de olho de lombo (AOL), espessura de gordura subcutânea (EGS), marmoreio, peso da pele ao abate (PPe1) e perdas com a padronização, com menores médias para animais precoces. As perdas apresentadas pelas fêmeas foram 14,48 e 6,88 kg, e para os machos castrados 9,32 e 4,84 kg, respectivamente para superprecoces e precoces. As médias de PA, peso da pele padronizada e área do couro Wet-blue dos machos castrados foram 473,60 kg, 40,60 kg e 4,52 m², respectivamente, para superprecoces e 462,83 kg, 29,77 kg e 4,31 m², respectivamente, para precoces. Não houve efeito de sexo e de sistema de produção para as características avaliadas nos ensaios físicos mecânicos no couro de bovinos precoces e superprecoces.
Thesagro: Confinamento
Couro
Pastagem.
Data Created: 2008-11-25
Appears in Collections:Artigo em anais de congresso (CPPSE)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PROCIMACJ2008.00140.pdf67,88 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace