Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/507357
Research center of Embrapa/Collection: Embrapa Acre - Tese/dissertação (ALICE)
Date Issued: 2005
Type of Material: Tese/dissertação (ALICE)
Authors: SALES, M. F. L.
Additional Information: MAYKEL FRANKLIM LIMA SALES, CPAF-Acre.
Title: Suplementos múltiplos para recria e terminação de novilhos mestiços, em pastejo, durante os períodos de transição águas-seca e seca.
Publisher: 2005.
Pages: 92 f.
Language: pt_BR
Notes: Tese (Mestrado em Zootecnia) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. Orientador: Mário Fonseca Paulino.
Description: O presente trabalho foi desenvolvido a partir de três experimentos. No primeiro, avaliaram-se os efeitos de suplementos múltiplos com diferentes níveis de uréia sobre o desempenho produtivo e parâmetros nutricionais de bovinos em fase de terminação, mantidos em pastagem de Brachiaria brizantha cv. Marandu, no período de transição águas-seca. Para avaliação do desempenho produtivo utilizaram-se 20 novilhos mestiços, não-castrados, com idade e peso médios iniciais, respectivamente, de 20 meses e 376 kg. Os animais foram agrupados em lotes com pesos semelhantes, segundo um delineamento inteiramente casualizado. Utilizaram-se quatro piquetes de 1,5 ha cada. Os animais receberam 1,5 kg/dia de suplementos, isoprotéicos (20% de PB), constituídos de grãos de milho e soja moídos, mistura mineral e diferentes níveis de uréia: 0,0; 1,6; 3,2; e 4,8% na matéria natural. Não foram encontradas diferenças (P>0,10) para o ganho médio diário (GMD) em função dos níveis de uréia, sendo observados valores médios de 0,570 kg/dia. Para avaliação dos parâmetros nutricionais foram utilizados quatro animais mestiços Holandês x Zebu, não castrados, com peso médio inicial de 320 kg, fistulados no esôfago, rúmen e abomaso, que receberam os mesmos suplementos, nas mesmas quantidades utilizadas para os animais de desempenho. Não foram encontradas diferenças significativas (P>0,05) dos níveis de uréia sobre o pH e concentração de amônia ruminal. Quando se almejam ganhos próximos de 0,500 a 0,600 kg/dia, pode-se utilizar apenas milho, uréia e mistura mineral em suplementos múltiplos para terminação de bovinos a pasto. No segundo experimento, avaliaram-se os efeitos de níveis de energia em suplementos múltiplos sobre o desempenho produtivo e parâmetros nutricionais de bovinos em fase de terminação, mantidos em pastagem de B. brizantha cv. Marandu. Para avaliação do desempenho produtivo, utilizaram-se 24 novilhos mestiços, não-castrados, com idade e pesos médios iniciais, respectivamente, de 18 meses e 330 kg, distribuídos em delineamento inteiramente casualizado, em quatro piquetes de 1,5 ha cada. Avaliaram-se quatro tratamentos: mistura mineral (MM) e suplementos formulados à base de milho e grão de soja em três níveis de fornecimento: 1,0; 1,5 e 2,0 kg/dia, para permitirem o consumo de nutrientes digestíveis totais (NDT) de 0,832; 1,163 e 1,496 kg/dia, respectivamente. Houve efeito linear positivo dos níveis de energia sobre o ganho médio diário e peso vivo final (P<0,10). Os parâmetros nutricionais foram avaliados em quatro novilhos mestiços, não castrados, com peso médio inicial de 300 kg, fistulados no esôfago, no rúmen e no abomaso, alimentados com dietas semelhantes à dos animais de desempenho. Não houve efeito da suplementação (P>0,05) sobre o consumo de matéria seca total (MST), mas houve redução linear no consumo de forragem (MSP). O consumo de matéria orgânica proveniente do pasto, fibra em detergente neutro (FDN) da dieta total e FDN da pastagem foram afetados linear e negativamente pelos níveis crescentes de energia. Não foram encontrados efeitos (P>0,05) dos níveis de suplementação sobre a digestibilidade aparente total dos nutrientes, com exceção da PB. Ganhos adicionais de 20 a 30% podem ser obtidos com quantidades crescentes de energia durante o período em estudo, contudo, esses ganhos são devidos à substituição do consumo de forragem pelo suplemento. E, no terceiro experimento, avaliaram-se os efeitos de diferentes fontes de proteína sobre o desempenho produtivo e parâmetros ruminais de bovinos recriados em pastagem de Brachiaria decumbens, durante o período de transição águas-seca e seca. Para avaliação do desempenho produtivo, utilizaram-se 16 novilhos mestiços, não-castrados, com idade e pesos médios iniciais, respectivamente, de 12 meses e 217 kg. Os animais foram agrupados com base no peso vivo inicial e distribuídos em quatro lotes com pesos semelhantes, segundo um delineamento inteiramente casualizado. Utilizaram-se quatro piquetes de B. decumbens de 1,5 ha cada. Os animais receberam 1,0 kg/dia de suplementos, com aproximadamente 20% de proteína bruta (PB), constituídos de caroço de algodão (CA), farelo de glúten de milho (FGM), grão de soja e milho moídos (GSM) e milho e uréia (MU). Não foram encontradas diferenças para o ganho médio diário e peso vivo final, sendo observados valores médios para ganho de 0,616 kg/dia. Para avaliação dos parâmetros ruminais foram utilizados quatro animais mestiços, não castrados, com peso médio inicial de 320 kg, fistulados no rúmen. Aos animais fistulados foram fornecidos os mesmos suplementos nas mesmas quantidades utilizadas para os animais de desempenho. Não foram encontradas diferenças significativas sobre o pH e concentração de amônia ruminal. Na recria de bovinos em pastejo, quando se almejam ganhos de peso da ordem de 500 a 600 g/dia, pode-se utilizar suplementos constituídos apenas de milho, uréia e mistura mineral. This work was developed based on three experiments related to productive and nutritional evaluations. In the first, the effects of multiple supplements were evaluated with different urea levels on the performance and nutritional parameters of finishing cattle, maintained at pasture of Brachiaria brizantha cv. Marandu, during the rain-dry transition season. For performance evaluation twenty crossbreed, not castrated were used, with age and average body weight, respectively, of 20 months and 376 kg. The animals were contained in lots with similar weights, according to a completely randomized design. Four paddocks of 1.5 ha were used. The animals received 1.5 kg/day of supplements (20% of CP), constituted of corn grains and soybean grounded, mineral salt and different urea levels: 0.0; 1.6; 3.2 and 4.8% in the natural matter. They were not found differences (P>0.10) for the average daily gain (ADG) in function of the urea levels, being observed medium values of 0.570 kg/day. For nutritional parameters evaluation, four animals crossbreed Holstein x Zebu, not castrated, with average body weight of 320 kg, fitted with esophagus, rumen and abomasum cannulae, that xiireceived the same supplements, in the same amounts used for the animal performance. They were not found significant differences (P>0.05) of the urea levels under the pH and ruminal ammonia concentration. When they are longed for won close of 0.5 to 0.6 kg/day, it can just be used corn, urea and it mineral salt in multiple supplements for finishing beef cattle at pasture. In the second search, the effects of energy levels were evaluated in multiple supplements on the performance and nutritional parameters of finishing beef cattle, maintained at pasture of B. brizantha cv. Marandu. For performance evaluation, twenty four crossbreed, not castrated were used, with age and average weight, respectively, of 18 months and 330 kg, distributed in completely randomized design, in four paddocks of 1.5 ha each. Four treatments were evaluated: mineral salt (MS) and supplements formulated with corn and soybean grain in three supply levels: 1.0; 1.5 and 2.0 kg/day, for they allow the intake of total digestible nutrients (TDN) of 0.832; 1.163 and 1.496 kg/day, respectively. There was positive linear effect of the energy levels on the ADG and final body weight (P<0.10). The nutritional parameters were appraised in four crosbreed steers, not castrated, with average weight of 300 kg, fitted with esophagus, rumen and abomasum cannulae, fed with similar diets to the performance animals. There was not effect of the supplementation (P>0.05) on the dry matter intake (DMI), but there was linear reduction in the forage intake. The organic matter intake of the pasture, neutral detergent fiber (NDF) of the total diet and NDF of the pasture they were affected linear and negatively for the increase of energy levels. They were not found effects (P>0.05) of the supplementation levels on the total apparent digestibility of the nutrients, except for CP. Won additional from 20 to 30% they can be obtained with increasing amounts of energy during the period in study, however, those gains are due to the substitution of the forage intake for the supplement. And, in the third experiment, the effects of different protein sources were evaluated on the performance and ruminal parameters of steers at pasture of Brachiaria decumbens, during the rain-dry transition and dry seasons. For evaluation of the performance, 16 crossbreed, not castrated, were used, with age and average weight, respectively, of 12 months and 217 kg. The animals were contained with xiiibase in the average weight and distributed in four lots with similar weights, according a completely randomized design. Four paddocks of B. decumbens of 1.5 ha were used. The animals received 1.0 kg/day of supplements, with approximately 20% CP, constituted of cotton seed (CS), corn gluten meal (CGM), soybean and corn grounded (SCG) and corn grounded and urea (CGU). They were not found differences for the daily average gain and final body weight, being observed medium values for gain of 0.616 kg/day. For ruminal parameters evaluation four crossbreed steers, not castrated, were used, with average body weight of 320 kg, fitted with rumen cannulae. The animals were supplied with the same supplements in the same amounts used for the performance animals. They were not found significant differences about the pH and ruminal ammonia concentration. In it creates again it of steers at pasture, when they are longed for won of weight of the order of 500 to 600 g/day, it can be used supplements just constituted of corn, urea and mineral salt.
Thesagro: Brachiaria Brizantha
Brachiaria Decumbens
Gado Mestiço
Novilho
Pastagem
Proteína
Recria
Uréia
Data Created: 2006-10-05
Appears in Collections:Tese/dissertação (CPAF-AC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
14029.pdf268 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace