Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/663040
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Acre - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 1-Abr-2010
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: MOURA, C. F. H.
FIGUEIREDO, R. W. de
ALVES, R. E.
SILVA, E. de O.
ARAÚJO, P. G. L. de
MACIEL, V. T.
Informaçães Adicionais: CARLOS FARLEY HERBSTER MOURA, CNPAT; Raimundo Wilane de Figueiredo, Universidade Federal do Ceará; RICARDO ELESBAO ALVES, CNPAT; EBENEZER DE OLIVEIRA SILVA, CNPAT; Paolo Germanno Lima de Araújo, Universidade Federal do Ceará; VLAYRTON TOME MACIEL, CPAF-Acre.
Título: Aumento da vida útil pós colheita de pedúnculos de cajueiro anão precoce pela redução da temperatura de armazenamento.
Edição: 2010
Fonte/Imprenta: Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 34, n. 1, p. 140-145, jan./fev. 2010.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Cajueiro anão precoce
Temperatura de almacenamiento.
Marañón
Calidad de almacenaje
Conteúdo: Conduziu-se este estudo, realizado no Laboratório de Fisiologia e Tecnologia Pós-Colheita da Embrapa Agroindústria Tropical em Fortaleza (CE), com o objetivo de aumentar o tempo de conservação pós-colheita de pedúnculos dos clones CCP 76 e END 183 de cajueiro anão precoce por meio da redução da temperatura de armazenamento. Foi adotado um fatorial em delineamento inteiramente casualizado, cujos fatores foram os clones e o tempo de armazenamento (0, 5, 10, 15, 20, 25 e 30 dias), avaliados em três repetições. Os frutos, colhidos manualmente, no início da manhã, no Município de Beberibe, Ceará, foram acondicionados em caixas plásticas ainda no campo e transportados para o laboratório onde, acondicionados em bandejas de isopor, foram armazenados a 3,4 ± 0,6ºC e umidade relativa de 85 ± 11%, sob atmosfera modificada. Os parâmetros avaliados foram perda de massa, aparência, cor da película, firmeza da polpa, sólidos solúveis totais, pH, acidez total titulável, SST/ATT, ácido ascórbico, açúcares solúveis totais, antocianinas totais e fenólicos. Os resultados mostraram que os pedúnculos do clone CCP 76 têm vida útil pós-colheita de 18 dias, enquanto o END 183, de 28 dias, ambos com reduzida perda de massa, firmeza e antocianinas totais.
Thesagro: Caju
Anacardium occidentale
Pedúnculo
Clone
Conservação
Pós-colheita
Resistência à temperatura
Armazenamento
NAL Thesaurus: Cashew fruit
Peduncle
Clones
Storage quality
Storage temperature.
Ano de Publicação: 2010
ISSN: 1413-7054 (impresso) / 1981-1829 (online)
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CPAF-AC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
22947.pdf66,98 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace