Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/896593
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Pecuária Sudeste - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 25-Jul-2011
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: NICODEMO, M. L. F.
SOUZA, F. H. D. de
PEZZOPANE, J. R. M.
MENDES, J. C. T.
BARIONI JUNIOR, W.
SANTOS, P. M.
Informaçães Adicionais: MARIA LUIZA FRANCESCHI NICODEMO, CPPSE; FRANCISCO HUMBERTO DUBBERN DE SOUZA, CPPSE; JOSE RICARDO MACEDO PEZZOPANE, CPPSE; JOÃO CARLOS TEIXEIRA MENDES, DOUTORANDO ENGENHARIA FLORESTAL - ESALQ/PIRACICABA; WALDOMIRO BARIONI JUNIOR, CPPSE; PATRICIA MENEZES SANTOS, CPPSE.
Título: Desempenho produtivo de leguminosas tropicais cultivadas ao sol e sob sombra florestal.
Edição: 2011
Fonte/Imprenta: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 48., 2011, Belém. O Desenvolvimento da produção animal e a responsabilidade frente a novos desafios - anais. Belém: SBZ: UFRA, 2011.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Florestas plantadas
Forrageiras
Sistemas silvipastoris.
Conteúdo: Avaliou-se o desempenho produtivo de Centrosema pubescens, Clitoria ternatea, Pueraria phaseoloides, Estilosantes Campo Grande (Stylosanthes capitata + S. macrocephala), Calopogonium mucunoides, Lablab purpureum cv. Rongai, Arachis pintoi cv. Mandovi, Alysicarpus vaginalis e Aeschinomene vilosae em parcelas puras, cultivadas ao sol e sob bosque de Eucalyptus grandis. A produção de matéria seca , a altura das plantas e a percentagem de cobertura do solo foram reduzidas pelo sombreamento (interceptação de 80% da radiação luminosa). O lab-lab destacou-se no período inicial (90 dias após o plantio) quanto à produção e cobertura do solo. O estilosantes e o A. pintoi apresentaram desenvolvimento inicial lento, baixas produção e cobertura do solo, mas destacaram-se posteriormente: o estilosantes apresentou maior produção quando cultivado ao sol a partir da seca de 2009, alcançando 8.276 kg/ha no final da estação chuvosa. A. pintoi, apesar da baixa Produtividade, proporcionou boa cobertura do solo, ao sol e à sombra, especialmente na seca. A puerária apresentou boa produção a partir da seca de 2009, especialmente ao sol. A centrosema destacou-se na estação seca pela produção e cobertura do solo. Decorridos 23 meses, enquanto sete das espécies implantadas desapareceram à sombra, a centrosema e o A. pintoi proporcionaram respectivamente, 86% e 70% cobertura do solo, caracterizando-se como aquelas de maior potencial de cultivo como forrageiras sob plantações florestais.
Thesagro: Pastagem.
Ano de Publicação: 2011
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CPPSE)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PROCI2011.00056.pdf161,43 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace