Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/915149
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Mandioca e Fruticultura - Resumo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 10-Fev-2012
Tipo do Material: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: CARVALHO, H. W. L. de
FUKUDA, W. M. G.
SANTOS, V. da S.
OLIVEIRA, I. R. de
RANGEL, M. A. S.
RODRIGUES, C. S.
Informaçães Adicionais: HELIO WILSON LEMOS DE CARVALHO, CPATC; WANIA MARIA GONÇALVES FUKUDA, CNPMF; VANDERLEI DA SILVA SANTOS, CNPMF; IVENIO RUBENS DE OLIVEIRA, DTT; MARCO ANTONIO SEDREZ RANGEL, CNPMF; CINTHIA SOUZA RODRIGUES, PIBIC/CNPQ.
Título: Comportamento de cultivares de aipim de polpa amarela no Estado de Sergipe.
Edição: 2011
Fonte/Imprenta: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE MANDIOCA, 14.; FEIRA BRASILEIRA DA MANDIOCA, 1., 2011, Maceió. Mandioca: fonte de alimento e energia: anais. Maceió: ABAM: SBM, 2011.
Idioma: pt_BR
Notas: Melhoramento genético. Resumo n. 72.
Palavras-chave: Aipim de polpa amarela
Melhoramento genético
Conteúdo: O Estado de Sergipe apresenta grande potencial para a expansão da cultura do aipim/mandioca mansa, por oferecer ótimas condições de clima e solo associada a uma topografia que facilita a mecanização da cultura. Nesse Estado, esse produto é largamente utilizado na alimentação humana nas mais variadas formas de consumo (frita, cozida, bolos, etc.), sendo apreciado em todas as camadas sociais, especialmente, nas classes de renda mais baixa, onde o volume do consumo é significativamente maior, confirmando a identidade dessa cultura com as camadas mais humildes da sociedade. As cultivares de mandioca mansa caracterizam-se, principalmente, por apresentarem teores de cianeto abaixo de 100 mg/kg da polpa nas raízes frescas. Esse componente varia substancialmente em razão da variedade e, em menor escala, das condições de cultivo, época de colheita e condições ambientais (Fukuda et al., 1988 e Borges & Fukuda, 1990). As cultivares com concentrações de cianeto acima de 100 mg/kg de peso são denominadas bravas, sendo indicadas para a indústria , onde a toxicidade da raiz é reduzida durante o processamento (Borges et al, 2002). No preparo de produtos derivados de aipim, como aipim cozido, frito, bolo, etc., o cianeto presente na polpa também é desprendido por volatilização atingindo níveis baixíssimos, tornado-o inócuo. O objetivo deste trabalho foi selecionar novas cultivares de aipim de polpa amarela para consumo humano na forma de raízes frescas.
Ano de Publicação: 2011
Aparece nas coleções:Resumo em anais de congresso (CNPMF)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
COMPORTAMENTODECULTIVARESResumon.72HelioWilsonposter.pdf120,16 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace