Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/962058
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Clima Temperado - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Data do documento: 15-Jul-2013
Tipo do Material: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Autoria: FERREIRA, L. V.
COCCO, C.
ALDRIGHI, M.
CARVALHO, S. F. de
PICOLOTTO, L.
MONTE, F.
ANTUNES, L. E. C.
FLORES CANTILLANO, R. F.
Informaçães Adicionais: LETICIA VANNI FERREIRA, UFPEL; CARINE COCCO, UFPEL; MICHÉL ALDRIGHI, UFPEL; SARAH FIORELLI DE CARVALHO, UFPEL; LUCIANO PICOLOTTO, BOLSISTA CNPQ; FERNANDA MONTE, BOLSISTA DE APOIO TÉCNICO CPACT; LUIS EDUARDO CORREA ANTUNES, CPACT; RUFINO FERNANDO FLORES CANTILLANO, CPACT.
Título: Efeito da aplicação de cálcio e boro em pré-colheita na qualidade pós-colheita de amoreira-preta Tupy.
Edição: 2013
Fonte/Imprenta: Revista Iberoamericana de Tecnología Postcosecha, v. 14, n. 1, p. 53-58, 2013.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Tupy
Rubus ssp.
Conteúdo: A amoreira preta é uma espécie rústica que apesar de ter sido introduzida no Brasil na década de 70, poucos trabalhos de manejo desta rosácea foram realizados. Objetivou se com o presente trabalho avaliar a qualidade de amoras pretas ?Tupy?, utilizando diferentes aplicações de cálcio e boro em pré colheita, visando a manutenção da fruta em pós colheita. Os experimentos foram realizados na Embrapa Clima Temperado, Pelotas/RS e, as análises químicas realizadas em Laboratório de Fisiologia da Pós colheita da mesma instituição, no período de 2011. As aplicações de cálcio (Ca) e Boro (B) nos tratamentos foram realizadas com pulverizador costal, sendo adicionado 2 ml de fertilizante foliar líquido, contendo 19% de Ca e 2% de B e 2ml de espalhante adesivo (Assist) por litro de calda, aplicados durante a fase de floração. A colheita das frutas foi realizada no dia 16/12/2010, pela manhã e foram acondicionadas diretamente em bandejas de polietileno transparente e posteriormente armazenadas em câmara fria a 0°C ±1ºC e com umidade relativa de 96% ±1. As variáveis avaliadas foram: perda de massa (%), coloração, pH, sólidos solúveis (SS), acidez titulável (AT) e firmeza de polpa (N). O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, sendo que o experimento teve três repetições de dez frutas por repetição, num esquema fatorial 4x5: quatro períodos de armazenamento em câmara fria (0, 2, 4 e 8 dias) e cinco números de aplicações de cálcio (0, 2, 4, 6 e 8 aplicações). Durante o armazenamento ocorreu redução dos sólidos solúveis das amoras pretas e perdas significativas de massa e firmeza de polpa das amoras pretas. As aplicações de CaB em amoreira preta não causaram efeito na pós colheita, ou seja, não melhoraram a qualidade das frutas durante o armazenamento, em especial, não influenciaram na firmeza de polpa das frutas, conforme esperava-se.
Thesagro: Amora preta
Cálcio
Boro
Pré-colheita
NAL Thesaurus: Blackberries
Calcium
Boron
Preharvest treatment
Ano de Publicação: 2013
ISSN: 1665-0204
Aparece nas coleções:Artigo em periódico indexado (CPACT)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
RevIberTecnologiaPostcosecha1412013pg5358.pdf422,13 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace