Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/534562
Unidade da Embrapa/Coleção:: Embrapa Caprinos e Ovinos - Artigo em anais de congresso (ALICE)
Data do documento: 30-Set-2009
Tipo do Material: Artigo em anais de congresso (ALICE)
Autoria: QUEIROGA, R. de C. R. do E.
PEREIRA, R. A. G.
MEDEIROS, A. N. de
COSTA, R. G.
MAIA, M. de O.
BOMFIM, M. A. D.
Informaçães Adicionais: Rita de Cássia Ramos do Egyto Queiroga, UFPB; Renata Ângela Guimarães Pereira, pós-graduanda UFPB; Ariosvaldo Nunes de Medeiros, UFPB; Roberto Germano Costa, UFPB; Michelle de Oliveira Maia, pós-graduanda ESALQ; MARCO AURELIO DELMONDES BOMFIM, CNPC.
Título: Perfil de ácidos graxos do leite de cabras mestiças Moxotó suplementadas com óleo de licuri ou de mamona.
Edição: 2009
Fonte/Imprenta: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 46., 2009, Maringá. Inovação científica e tecnológica em zootecnia: anais dos resumos. Maringa: SBZ: UEM, 2009. 3 f. 1 CD-ROM.
Idioma: pt_BR
Palavras-chave: Caprino leiteiro
Cabra
Raça Moxotó
Nutrição animal
Suplementação
Óleo vegetal
Ácido graxo
Licuri
Mamona
Lipídeo
Conteúdo: Os lipídios vêm sendo utilizados na alimentação animal no intuito de melhorar o perfil dos ácidos graxos do leite, além de ser fonte de energia. Neste trabalho foram utilizadas 10 cabras mestiças Moxotó x Alpina Francesa em lactação, suplementadas com óleos vegetais em dois níveis (3 e 5%), com objetivo de avaliar o efeito da dieta no perfil dos ácidos graxos do leite produzido. Os tratamentos consistiam em um grupo controle sem óleo, óleo de licuri a 3% e 5%, óleo de mamona a 3% e 5%, na matéria seca das dietas. As cabras foram mantidas alocadas em baias individuais, distribuídas em um delineamento de quadrado latino duplo (5 x 5), com períodos de 15 dias para cada tratamento, sendo 12 dias de adaptação e três dias de coleta de leite. A suplementação com óleo de licuri elevou os ácidos graxos de cadeia curta e média do leite com, conseqüente, aumento do índice de aterogenicidade. A adição do óleo de mamona gerou redução nos teores de ácidos graxos de cadeia curta e nos ácidos graxos saturados e aumentou os ácidos graxos insaturados resultando numa boa razão saturado:insaturado e num melhor índice de aterogenicidade. O óleo de licuri elevou os ácidos graxos de cadeia curta, os saturados e reduziu os insaturados. A adição de óleo de mamona melhorou o perfil de ácidos graxos do leite de cabra, conferindo ao produto importante características nutricionais à saúde humana.
Ano de Publicação: 2009
Aparece nas coleções:Artigo em anais de congresso (CNPC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AACPerfildeacidosgraxosdoleitedecabrasmesticasmoxotosuplementadascomoleodelicurioudemamona.pdf209,42 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir

FacebookTwitterDeliciousLinkedInGoogle BookmarksMySpace